Como lançar áreas e vagas de garagem nos quadros NBR 12.721

O que são e para que servem os Quadros NBR 12.721? Como classificar e lançar as áreas privativas e de uso comum? Como lançar vagas de garagem autônomas, vinculadas e desvinculadas de unidades? Como lançar vagas em áreas privativas ou de uso comum? Quando a vaga pode ser presa? Como lançar as áreas externas descobertas? O que é área de divisão proporcional ou não proporcional? Como lançar rampas de garagem? E os vazios de pé-direito duplo?

Estas e outras dúvidas frequentes do preenchimento dos quadros são tratadas em nosso novo minicurso, já disponível em nossa Escola Digital.

Continue lendo “Como lançar áreas e vagas de garagem nos quadros NBR 12.721”

CAU/BR realiza oficina em São Paulo para atuação do escritório no exterior

(notícia do CAU/BR)

No próximo dia 11 de agosto, em São Paulo, arquitetos e urbanistas interessados em expandir suas atividades para outros países podem participar da Oficina de Capacitação de Escritórios para o Mercado Exterior, oferecida pelo CAU/BR com apoio do CAU/SP.

Serão 100 vagas disponíveis para cada oficina, 70 delas destinadas aos profissionais do Estado e outras 30 aos demais interessados.

O panorama dos países vizinhos, a legislação, a regulamentação da profissão nos países fronteiriços, o Siscoserv (o sistema oficial para registro de operações com o exterior na área de serviços), a NBS (Nomenclatura brasileira de serviços, intangíveis e outras operações que produzam variações no patrimônio) e outros temas da área vão ser abordadas nesta oficina, com carga horária de 8 horas.

Os objetivos da oficina são os seguintes: Continue lendo “CAU/BR realiza oficina em São Paulo para atuação do escritório no exterior”

Novo livro: avaliação de empreendimentos pelo método da renda

41Yy+KrRqjL

A atividade que melhor remunera os avaliadores de imóveis, e um dos melhores honorários para arquitetos, urbanistas e engenheiros ganha agora um guia completo e de fácil entendimento. O autor destrincha a complexidade da avaliação de empreendimentos de base imobiliária pelo método da capitalização da renda (avaliação econômica) de forma tranquila e numa linguagem acessível a avaliadores, gestores, investidores, estudantes, pesquisadores, profissionais do ramo imobiliário e demais interessados no assunto. Continue lendo “Novo livro: avaliação de empreendimentos pelo método da renda”

Diferença entre arquiteto e engenheiro civil

Tanto o arquiteto e urbanista quanto o engenheiro civil costumam atuar em diversas áreas, mas a principal certamente é a construção civil. As formações são complementares, com grande sobreposição de disciplinas nos cursos de graduação.

Legalmente, no Brasil, o campo de atuação dos dois profissionais é muito parecido, com poucas diferenças quanto ao que é de competência exclusiva de um ou de outro profissional. Por exemplo, estruturas de pontes exigem um engenheiro civil, enquanto o traçado urbano e plano diretor de cidades exigem a atuação de um arquiteto e urbanista.
Continue lendo “Diferença entre arquiteto e engenheiro civil”

VBA™ para Excel™ 14: vetores e matrizes

(ver o anterior)

Finalmente chegamos ao nosso último post da série sobre VBA para Excel. Hoje falaremos sobre variáveis com mais de uma dimensão: vetores (composto linear de dados do mesmo tipo) e matrizes (composto bidimensional de dados do mesmo tipo). Um vetor é um conjunto de dados em sequência. O tamanho do vetor é o número de dados armazenados, e é definido da seguinte forma: Continue lendo “VBA™ para Excel™ 14: vetores e matrizes”

VBA™ para Excel™ 13: trabalhando com várias planilhas

(ver o anterior)

As referências a outras planilhas pelo VBA são feitas diretamente pelo nome de cada planilha. O arquivo de Excel normalmente já vem com três planilhas: Plan1, Plan2 e Plan3 (veja as abas abaixo da planilha).

Conforme vimos antes, as referências de células são feitas em ordem invertida em relação ao Excel. Por exemplo, a célula C4 no excel é descrita na forma Coluna (C), depois a Linha (4). No VBA, a mesma célula é descrita apenas numericamente (Coluna é descrita como 3, ao invés de C), e na ordem Linha, depois Coluna. Portanto, no VBA, a célula C4 é descrita como:

Cells(4,3)

Quando a referência for feita em relação a uma célula que está em outra planilha, segue o seguinte formato: Continue lendo “VBA™ para Excel™ 13: trabalhando com várias planilhas”

VBA™ para Excel™ 12: exemplos de funções, manipulação de strings

(ver o anterior)

Atendendo a pedidos, deixo aqui mais alguns exemplos de funções para Excel. Veja o post anterior sobre como escrever novas funções para o Excel.

O primeiro exemplo converte temperatura em graus Celsius (tempC) para graus Fahrenheit (tempF): Continue lendo “VBA™ para Excel™ 12: exemplos de funções, manipulação de strings”