Capacidade efetiva da via e acesso a condomínios fechados

A capacidade efetiva da via é dada por:

CEfV = 525 x N x B (veículos por hora)

N: número de faixas
B: largura da faixa (em metros)

Para o acesso de condomínios, calcule o horário de pico como o total estimado do número de veículos dividido por 2 horas.

Exemplo: um condomínio horizontal com 800 casas, com uma estimativa de 3 automóveis por unidade (alto Continue lendo “Capacidade efetiva da via e acesso a condomínios fechados”

Pré-dimensionamento de dutos de ar condicionado

Quem faz projetos de áreas corporativas sabe que o maior volume utilizado sobre o forro é o dos dutos de ar condicionado. No entanto, não nos ensinaram como fazer qualquer pré-dimensionamento deste sistema, costumamos ter alguma ideia de algumas soluções padronizadas e trabalhamos com elas até que o engenheiro mecânico nos confirme se o espaço útil sobre forro é suficiente. O problema é quando a planta não é convencional e o caminhamento de dutos é maior que o usual. E aí? Vamos ficar esperando o projetista de ar condicionado para evoluir a arquitetura?

As dicas abaixo me foram passadas por um dos melhores calculistas e projetistas de climatização de São Paulo, e deixo aqui para ajudar a quem precisa. Lembre-se que se trata apenas de um pré-dimensionamento, as dimensões finais serão dadas pelo projetista de mecânica.

Este pré-dimensionamento foi estabelecido para:

  • Região Sudeste ou Sul do Brasil
  • Pé-direito útil em torno de 3 metros
  • Áreas corporativas
  • Não se aplica a peles de vidro sem proteção em fachadas expostas a insolação direta

Cada 15 metros quadrados de área de piso exigem 1 TR de capacidade, o mesmo que 680 metros cúbicos por hora. Portanto, uma área de Continue lendo “Pré-dimensionamento de dutos de ar condicionado”

Dimensionamento de peças de madeira para estrutura de telhado

Nossa tradição construtiva em concreto armado deixou à sombra o cálculo de estruturas em madeira. Não são tão complexos os dimensionamentos de estruturas em madeira ou aço – um sistema misto como o concreto armado é mais difícil de teorizar.

Ainda assim, as estruturas de madeira para telhado estão tão padronizadas, e há tanto tempo, que existem regras práticas para o dimensionamento em função do vão, e podem ser utilizadas com segurança.

Terças
Até 4,50m de vão: peça de 6x16cm
Até 3m: peça de 6x12cm Continue lendo “Dimensionamento de peças de madeira para estrutura de telhado”

Como fazer uma lareira que aqueça sem retornar fumaça

O dimensionamento da lareira é essencial para que ela funcione corretamente. Ou seja, aqueça o ambiente sem retorno de fumaça. Então lá vai o roteiro:

Boca de fogo (abertura livre da lareira) deve ter altura variando de 67% a 75% da largura.

A mesma altura da boca de fogo deve ficar entre 1/40 e 1/70 da área do cômodo a ser aquecido.

A profundidade livre da lareira deve ficar entre Continue lendo “Como fazer uma lareira que aqueça sem retornar fumaça”

Pré-dimensionamento de elementos estruturais em concreto armado

O pré-dimensionamento não vai lhe dizer a estrutura final de seu projeto, mas é bastante útil para seu orçamento e estudos preliminares de arquitetura.

Em caso de conflito do aqui descrito com qualquer norma técnica aplicável, siga sempre a norma técnica.

Atenção: estes valores resultantes NÃO devem ser utilizados para o projeto final ou para construção. Os valores reais a utilizar na obra estarão no projeto executivo, que é realizado com outros métodos de cálculo!

Pré-dimensionamento de vigas em concreto armado

Para vigas horizontais, em nível, com seção retangular e constante, sem cargas pontuais, com dois apoios (um em cada extremidade) utilize os critérios abaixo:

O comprimento total da viga não deveria passar de 30 metros. Caso a edificação tenha dimensão linear superior a essa, será necessária uma junta de dilatação.

Vigas isostáticas (com apoios simples, sem resistência a momento fletor): altura da viga é o comprimento do vão dividido por 10.

Vigas hiperestáticas (com apoios engastados, com reação de apoio a momento fletor): altura é o vão dividido por 15.

Vigas hiperestáticas em dois sentidos perpendiculares entre si, engastadas no meio do vão: altura é o vão dividido por 20.

Para efeito de orçamento, considere o consumo de aço de 100kg/m3. Continue lendo “Pré-dimensionamento de elementos estruturais em concreto armado”

Dicas para projeto de iluminação (ou, por que bons restaurantes perdem clientes por serem escuros)

DIREITOS AUTORAIS PROTEGIDOS NA FORMA DA LEI. CITE A FONTE.

por Ricardo Trevisan

Parece que os donos de restaurantes confundem iluminação agradável com falta de iluminação. Na tentativa de criar ambientes agradáveis, simplesmente reduzem a iluminação dos ambientes a tal ponto de ficar difícil saber o que estou realmente comendo (o que dizer então da cor do alimento…). E muitos restaurantes escolhem mal as lâmpadas e mesmo com iluminação fraca, convivem com a luz mais desagradável possível. Se o consumidor achar que o restaurante está tentando disfarçar ou esconder alguma coisa, certamente isso vai pesar muito na avaliação do estabelecimento.

O pior problema é que pouca gente sabe que existe um tipo de Continue lendo “Dicas para projeto de iluminação (ou, por que bons restaurantes perdem clientes por serem escuros)”