O que significa “step-in rights”

Step-in right, ou direito de assunção do negócio financiado, é um dispositivo legal muito utilizado em project finance, e compõe a estrutura de garantias para esta modalidade de financiamento, a qual não apresenta garantias reais suficientes para a cobertura do crédito (como aconteceria em corporate finance).

O financiador, na falta de garantias reais suficientes para a concessão do crédito, exige do tomador uma série de garantias e seguros. Entre essas garantias, reserva-se o direito de assumir (step-in) o negócio em caso de inadimplência. A execução desse tipo de garantia exige a previsão contratual de como isso se daria, o papel de cada uma das partes no processo, e as atribuições do órgão regulador neste tipo de eventualidade.

O objetivo final é a continuidade na prestação dos serviços, que costumam ser públicos e de primeira necessidade da população, como saneamento básico, geração ou transmissão de energia, resíduos sólidos urbanos, mobilidade urbana ou regional, etc. O financiador, portanto, costuma ser uma instituição financeira que tem como negócio principal (core business) uma atividade muito diversa das citadas acima, e utiliza-se dos step-in rights para garantir a possibilidade de reestruturar o empreendimento e poder, a seguir, repassá-lo a outro investidor que se comprometa com aquela operação e apresente capacidade técnica, jurídica, econômica e operacional para isso.

Quando o negócio é entre particulares, não é incomum que o financiador seja sócio da SPE (sociedade de propósito específico).

O direito de step-in do financiador é mais amplo que o concedido a debenturistas, porque o objetivo desses últimos é apenas receber seus créditos.

O dispositivo está previsto:

  • Para concessões públicas, no artigo 27 da Lei de Concessões (8.987/1995), com redação alterada pela Lei 11.196/2005 e Lei 13.097/2015;
  • Para PPP, no artigo 5, Parágrafo 2, I da Lei 11.079/2004.

Porém, ainda existem algumas disputas jurídicas sobre o tema para concessões, porque o artigo 27 da Lei 8.987 trata também da transferência da concessão, um tema distinto de step-in. A falta de clareza da lei neste ponto abre espaço para contestações.

Fonte: CARVALHO, A. C.; CASTRO, L. F. M. Manual de project finance no direito brasileiro. São Paulo: Quartier Latin, 2016.

Saiba mais:

O que é Parceria Público-Privada (PPP)

capaPPP

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.