Tutorial básico de QGIS (vídeo)

Introdução ao QGIS, tutorial básico e rápido, comandos básicos.

Este vídeo rápido e objetivo mostra como criar um novo projeto no QGIS, software gratuito de geoprocessamento, importando um arquivo fornecido pela prefeitura de São Paulo, ajustando o DATUM de SAD69 para WGS 84.

Depois, explica como importar dados de um arquivo do Excel, como capturar coordenadas pelo Google Maps. Por fim, mostra como unir essas informações em um mapa georreferenciado, a partir do qual podemos fazer inúmeras análises e trabalhar com as ferramentas mais úteis e poderosas de geoprocessamento.

 


https://youtu.be/5Wr3lZXZRpA

Palestra sobre Cities Intelligent Modeling (CIM)

Olá, pessoal!

Ontem, 27/10/2020, o Sinaenco realizou uma interessante palestra sobre Cities Intelligent Modelling (CIM), que consiste numa aliança de diversas tecnologias (BIM, GIS/SIG, IoT, entre outras) e certamente fará parte da vida dos governos locais e concessionárias de serviços públicos num futuro próximo. Continue lendo “Palestra sobre Cities Intelligent Modeling (CIM)”

O urbanismo dos juros baixos

Desnecessário repetir aqui o discurso do quanto urbanismo e construção civil são condicionados às taxas de juros. Até em textos defensores de programas habitacionais amplos do início do século passado, pedíamos por crédito reduzido para encaminharmos soluções de moradia digna e saudável para todos. Por toda a América Latina, os defensores mais progressistas da causa denunciavam a urgência do tema, e indicavam o barateamento das obras como única saída possível. Além dos embates da época contra a desnecessária ornamentação, e a denúncia do ostracismo dos estilos, eram necessários ajustes macroeconômicos.

Sempre foram, e assim permanece essa dependência até hoje. Porém, em tempos recentes, a taxa de juro básica de nossa economia, definida pelo Comitê de Política Monetária (Copom) para o Sistema Especial de Liquidação e Custódia (SELIC) caiu a patamares inéditos, e nada sinaliza qualquer possibilidade de elevação em curto prazo. Além disso, analisando seu comportamento nas últimas décadas, o que se vê é uma clara, consistente e contínua tendência de queda. Observando períodos longos, as elevações momentâneas não passam de desvios ao redor dessa linha de tendência de baixa. Continue lendo “O urbanismo dos juros baixos”