O risco de crédito imobiliário é baixo mesmo?

Vários bancos brasileiros têm apresentado o LTV médio de crédito imobiliário como argumento para o baixo risco embutido nessas operações. O LTV (loan-to-value ratio) mede o quanto a parcela financiada representa do valor de mercado do imóvel, quanto mais baixo, melhor. O que me espanta é que o que tem sido apresentado está, em geral, acima de 75%, e isso é usado como argumento para indicar um hipotético baixo risco operacional. Não sei por que essa informação não chega, mas nos EUA, Fannie Mae e Freddie Mac não aceitam LTV superior a 80%.

E esse nem é o ponto mais sensível, na minha modesta opinião. Explico: aqui, o financiamento imobiliário disputa o pocket share das famílias brasileiras junto com inúmeras outras exigências, inclusive de financiamento do consumo (cartão de crédito, por exemplo). Isso é bem diferente da média mundial, em que o financiamento imobiliário é o grande percentual de dívidas das famílias. Tem mais: a renda média da família brasileira, apesar de seu ganho real dos últimos anos, ainda não foi acompanhada de uma consolidação de evolução nos fatores de produção, em especial tecnologia, educação e produtividade da mão de obra. Considere ainda que o funding de crédito imobiliário ainda não teve evolução significativa no mercado de capitais nacional. A securitização de recebíveis imobiliários ainda é muito incipiente, assim como a colocação de títulos privados (LCI, por exemplo).

Será que um LTV de 80% aqui é seguro? É só uma pulguinha que não sai de trás da orelha.

2 comentários em “O risco de crédito imobiliário é baixo mesmo?

  1. Comandante Ricardo, parabéns pelo seu blog, não só pelo grande numero de visitantes, mas pelos grandes serviços que tens prestados, no meu caso foi de grande valor quando vc apresenta a diferença entre construtora e incorporadora, vendo a pag de consultas no ramo de construção civil q é minha área, vi engenheiro, contador em suma profissionais de diversas áreas, tirando suas duvidas e agradecendo pela sua gentileza e parabenizando pela sua capacidade, em puder está fazendo parte desse grupo de adeptos a seu blog sinto-me honrado e prestigiado por saber que poderei errar menos daqui pra frente, por ter a quem recorrer pedindo uma orientação, muito obrigado que Deus te der muitos anos de vida e continue sendo sempre esse RICARDO TREVISAN, prestativo e gentil. abraços Medeiros

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.